Ir para o conteúdo
Informações da página

Você está em: Página Inicial > Notícias

Pesquise aqui
Início do conteúdo

Câmpus Osório sedia Olimpíada de Filosofia do Rio Grande do Sul

Alunos participantes da Olímpiada de Filosofia

O Câmpus Osório do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) sediou, nos dias 26 e 27 de setembro de 2014, a VII Olimpíada de Filosofia do Rio Grande do Sul. Com o tema "Qual o caminho para a reconstrução de nós mesmos?", o encontro possibilitou dois dias de construção coletiva do conhecimento, por meio de palestras, debates, oficinas, comunidades de investigação e produção e expressão intelectual e artística.

Além de estudantes e servidores do Câmpus Osório, participaram do evento delegações dos câmpus Canoas, Rio Grande e Bento Gonçalves do IFRS, do curso de Filosofia da Universidade de Caxias do Sul (UCS), das escolas Divino Mestre (Paraí), Sagrado Coração de Jesus (Bento Gonçalves), Assis Brasil (Tramandaí), Riachuelo (Capão da Canoa), Dom Bosco (Rio do Sul/SC) e do Grupo Autônomo de Filosofia, de Porto Alegre, formado por alunos do Ensino Médio e universitários.

Estes grupos trabalharam, ao longo do ano, o tema central das Olimpíadas em sala de aula ou participando de atividades pré-olímpicas. Diversos temas, autores e linhas de pensamento foram discutidos, promovendo a fundamentação teórica necessária à problematização, conceituação e argumentação, uma vez que nas Olimpíadas de Filosofia não há vencedor ou perdedor: o trabalho é cooperativo e não competitivo, com ênfase no protagonismo juvenil.

O evento é coordenado pelo Comitê Científico da Olimpíada de Filosofia do RS (OLIFRS) e no Câmpus Osório o Comitê Organizador foi composto pelo grupo do projeto de extensão Olimpíadas de Filosofia II, sob responsabilidade da professora Andréia Meinerz.

O evento

As atividades tiveram início com a apresentação do Grupo Vocal que integra o projeto Música no IFRS - Câmpus Osório, coordenado pela professora Agnes Schmeling. Após o diretor-geral do câmpus, Roberto Saouaya, dar as boas-vindas aos presentes, subiram ao palco os professores Andréia Meinerz, anfitriã do evento; Sergio Sardi, da PUCRS, uma das idealizadoras da Olimpíada de Filosofia do RS; André Pares, do Comitê Científico da Olimpíada e da Associação dos Licenciados em Filosofia; e Nilo Barcelos, que coordena o projeto de extensão Educação para a Sustentabilidade no Câmpus Osório.

Andréia destacou que o processo de participação nas Olimpíadas começou em 2012, com a participação no evento sediado em Porto Alegre. "Mas foi no ano passado, em Paraí, que assumimos o compromisso de realizar a etapa estadual em Osório, na nossa casa. Muito trabalho foi desenvolvido de lá para cá. E nestes dois dias vamos aprender uns com os outros sobre o que é possível fazer para transformar, e qual é o caminho para a reconstrução de nós mesmos." André Pares complementou, enfatizando a importância do elemento coletivo para a mudança, e reforçou que a Olimpíada de Filosofia é de todos que se interessam por ela.

Nilo Barcelos, que conduziu o bate-papo com Sergio Sardi, ressaltou que era um "feliz desafio para ele, que é da área da Administração, estar no palco junto a um professor que fala de maneira fácil de coisas difíceis". Sardi deu início ao debate sobre a reconstrução, destacando autores e provocando o pensamento crítico a respeito do tema.

O ponto alto do evento foi a participação do professor Sérgio Gimenez, da Aldeia Indígena Kuaray Rese/Sol Nascente, localizada na Estrada do Mar, em Osório. A troca de saberes foi intermediada por Vinícius Lousada, pró-reitor adjunto de Ensino do IFRS; e Marcos Aguiar, membro do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas (Neabi) do Câmpus Osório, que falou sobre o projeto de pesquisa desenvolvido na aldeia, sobre alimentação e uso de plantas medicinais. O encantamento do público ficou com a intervenção artística das crianças, com um canto dos povos originários que trata da necessidade de plantar, mesmo em poucas terras, na área urbana.

Exibições culturais e trabalhos em grupo antecederam a apresentação de Demétrio Xavier, do programa Cantos do Sul da Terra, da FM Cultura. Com um belo repertório de canções latinas, o músico deu uma verdadeira aula de história sobre a conquista do continente.

A Olimpíada de Filosofia seguiu na manhã de sábado, com a mesa-redonda com Vicente Zati, do Câmpus Canoas, Vanderlei Carbonara, da Universidade de Caxias do Sul (UCS), Ricardo Rangel (Puc) e Janaína Bujes (Câmpus Osório). Os diversos temas levantados ressaltaram o papel de cada um como sujeito da reconstrução e importância da liberdade.

 

Preparação do Câmpus Osório para sediar o evento

O movimento de realização da VII Olimpíada de Filosofia do Rio Grande do Sul no Câmpus Osório teve início no dia 14 de setembro de 2013, quando o mesmo foi anunciado como sede durante a realização da VI edição do evento, em Paraí/RS. A comunidade escolar começou a ser preparada em dezembro, com a realização da oficina "Aportes para la construcción del pensamiento critico", coordenada pelos professores André Pares, do Colégio Americano de Porto Alegre, e Sandra Tereja, do Uruguai - ambos membros do Comitê Científico Olímpico Internacional, que faz a organização da etapa Latino-americana das Olimpíadas de Filosofia.

Ao longo do ano, oficinas preparatórias foram realizadas no câmpus, com o objetivo de trabalhar com alunos e servidores conceitos e autores que servirão de base para o debate, que irá abarcar uma vasta gama de questões de importância teórico-práticas, tais como a "globalização", os efeitos e perspectivas da chamada "revolução científico-tecnológica" e dos "meios massivos de comunicação".

Outra experiência que enriqueceu o grupo foi a participação na Etapa Preparatória da V Olimpíada Latino Americana de Filosofia, realizada no mês de junho em Maldonado/Uruguai, onde através de palestras, oficinas e debates, foi possível relacionar diversas disciplinas com a filosofia, promovendo a aprendizagem de metodologias distintas e a interação dos participantes com os temas. A etapa acontece em Punta del Este, no Uruguai, nos próximos dias 16, 17 e 18 de outubro.

Sobre o evento

A Olimpíada de Filosofia consiste na realização de atividades didáticas de cunho filosófico a partir de um tema geral. Tem por objetivo desenvolver nos participantes capacidades, atitudes e aptidões de pensamento autônomo, criativo, crítico, não censurado e, portanto, livre. Também proporciona as habilidades necessárias ao trabalho, discussão e produção em grupo. O encontro é cooperativo, as atividades colaborativas, sem caráter competitivo.

Destinada a estudantes na faixa etária dos 13 aos 18 anos, de escolas públicas e particulares do estado, a atividade é um convite à construção do conhecimento, através do debate, das comunidades de investigação, da produção e expressão intelectual e artística.

 

Texto e fotos: Gabriela Morel, Comunicação do Câmpus Osório

Galeria

Público do Câmpus Osório e de outras escolas prestigiaram o evento Abertura com falas dos professores representantes da Olimpíada de Filosofia Coro Juvenil do Câmpus Osório deu início as atividades culturais Exposição promovida pelo Neabi atraiu os olhos curiosos dos que se reconheceram nas fotos Mesa-redonda com professor da aldeia indígena Teatro do Câmpus Rio Grande: A Exceção e a Regra

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Rua General Osório, 348 | Bairro Centro | CEP: 95700-086 | Bento Gonçalves/RS

E-mail: gabinete@ifrs.edu.br | Dúvidas de Acessibilidade: acoes.inclusivas@ifrs.edu.br | Ouvidoria | Telefone: (54) 3449-3300