Ir para o conteúdo
Informações da página

Você está em: Página Inicial > Notícias

Pesquise aqui
Início do conteúdo

Câmpus Bento Gonçalves comemora 54 anos com programação especial

Inauguração Biblioteca do Câmpus Bento Gonçalves

O Câmpus Bento Gonçalves do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), comemorou nesta terça-feira, 22 de outubro, 54 anos. Para celebrar a data, uma programação especial foi realizada durante a tarde. O início se deu com a inauguração do novo prédio da biblioteca, que, além de novas instalações, recebe a denominação de Biblioteca Firmino Splendor.

Sob intensa salva de palmas, o homenageado começou a sua fala dizendo que a bilioteca é o arquivo aberto da sabedoria nacional e que os livros devem ser folheados como quem abraça uma criança recém-nascida.

_ O livro é sempre jovem e nos inspira infinitas sabedorias. Não aprendam somente para a prova, mas para a sua vida inteira _ disse dirigindo-se aos jovens.

Firmino também ressaltou a importância de se ter cuidado ao manusear as obras para que permaneçam íntegras. O homenageado entregou ao Diretor-geral do Câmpus, Luciano Manfroi, duas poesias e seis livros de sua autoria. Em seu pronunciamento, o diretor-geral do câmpus, Luciano Manfrói, disse tratar-se de um dia de alegria e festa, resultado do trabalho de muitos servidores que atuam na Instituição e de vários que já passaram pelo câmpus. Manfrói destacou ainda os avanços pelo qual o educandário passou ao longo dos anos e dos cursos que atendem não somente a região onde está situado, mas outras também.

O pró-reitor de Pesquisa e Inovação, Julio Xandro Heck, representou a reitora Cláudia Schiedeck Soares de Souza. Heck saudou a todos e comemorou o saldo de qualidade pelo qual o Instituto vem passando em seus quase cinco anos de implantação:

_ Começamos em 2008 com quatro pequenas Instituições, agora somos 12 Câmpus que trabalham com comprometimento, qualificação e dispondo de uma excelente infra-estrutura a seus servidores e alunos.

Na sequência foi realizado o descerramento da placa e as apresentações da invernada do DTG Cultura Sem Fronteiras e o Coral de Sopro do Hotel Dall'onder. As festividades foram encerrads com um coquetel.

HISTÓRICO DO CÂMPUS

Foi no dia 22 de outubro de 1959 que o então presidente da República, Juscelino Kubitschek, sancionou a Lei nº 3.646, que criava a Escola de Viticultura e Enologia de Bento Gonçalves. Alguns anos depois, em 13 de fevereiro de 1964, o presidente João Goulart decretaria a alteração de nomes de escolas de iniciação agrícola, agrícolas e agrotécnicas. Dessa forma a escola passou a chamar-se Colégio de Viticultura e Enologia (CVE).

Em 4 de Setembro de 1979, o decreto nº 83.935, assinado pelo presidente João Figueredo altera o nome da Instituição para Escola Agrotécnica Federal de Bento Gonçalves (EAFBG). Em 25 de outubro de 1985, sancionou a lei nº 7.390, que modificaria mais uma vez a sua denominação para Escola Agrotécnica Federal Presidente Juscelino Kubitschek (EAFPJK).

Duas mudanças ainda estavam por vir, em 16 de agosto de 2002, o presidente Fernando Henrique Cardoso decretou a implementação da escola em Centro Federal de Educação Tecnológica de Bento Gonçalves (Cefet-BG). E, finalmente em 29 de dezembro de 2008, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sancionou a lei 11.892, que reorganizou a Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, com a criação de 38 Institutos Federais, sendo três deles no Rio Grande do Sul. Dessa forma a Instituição passou a integrar o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), como Câmpus Bento Gonçalves.

ESTRUTURA

Situado na avenida Osvaldo Aranha, no bairro Juventude da Enologia, o Câmpus Bento Gonçalves compreende uma área de 76.219,13 m² e também conta com uma fazenda-escola, localizada na Estação Experimental Tuiuty, que possui 767.420 m², distante 12 quilômetros da sede principal. São 54 anos de uma história que teve início com o curso técnico de viticultura e enologia, pioneiro e único no país até 2007. A primeira turma teve por paraninfo o Comendador Carlos Dreher Neto e formou 14 técnicos no ano de 1962.

Por ser um polo de atração regional e nacional, o Câmpus Bento Gonçalves abriga em seu corpo discente alunos das mais diversas regiões do Estado e do país. A Instituição disponibiliza para a comunidade escolar, o Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Especiais (Napne), regime de internato masculino, serviço de lavanderia, cozinha/refeitório, acompanhamento psicológico, serviço de enfermagem, ginásio poliesportivo, um auditório, três salas para palestras ou conferências, Departamento de Tradições Gaúchas (DTG) com galpão típico, biblioteca, cancha para futebol de areia e vôlei de praia, sala de musculação, agroindústria e cooperativa-escola.

Para os cursos na área de Enologia e Viticultura o Câmpus conta com uma cantina de vinificação, enoteca, sala de microvinificação, vinhedos de produção, viveiro de porta-enxertos e os seguintes laboratórios: Análise Sensorial (sala de degustação), Química, Microbiologia e Enologia.

Os cursos na área de produção agrícola e alimentos possuem fábrica de ração, abatedouro, três aviários de corte, dois de postura, um de recria, área para produção de galinhas caipira, instalações para caprinos, suínos, coelhos, confinamento e estábulo para bovinos de leite, ordenhadeira, silos e apiário, duas estufas plásticas, horta, coleção de plantas medicinais e ornamentais, pomar e área para culturas anuais. Dispõe também de um setor de mecanização agrícola, sala de topografia, laboratório de solos e de fitossanidade, estação meteorológica, além de sala de aula própria com banheiros e agroindústria dividida nos seguintes setores: leite e derivados, frutas e hortaliças, carnes e derivados, massas e panifícios.

Como entidade voltada à educação profissional, o Câmpus possui acordos e convênios com várias instituições do país e exterior e parcerias com associações que oferecem estágios fora do país. Por meio da Coordenadoria de Integração Escola-Comunidade mantém centenas de empresas cadastradas para a realização de estágios curriculares em mais de 140 municípios do Rio Grande do Sul e outros Estados.

PRESENTE

Após algumas mudanças e adaptações ao longo dos anos, atualmente são oferecidos cursos médio-técnicos, superiores nas modalidades licenciatura, tecnólogo e Parfor; e pós-graduação, além de cursos Proeja, Proeja FiC e Pronatec.

Atualmente são 88 professores, 103 técnicos-administrativos, 18 estagiários e 1.304 alunos no Câmpus Bento Gonçalves.

 

Melina Leite - Comunicação Câmpus Bento Gonçalves

Fotos: Daniel de Moura

Galeria

Inauguração Biblioteca Firmino Splendor Inauguração Biblioteca Firmino Splendor Inauguração Biblioteca Firmino Splendor Luciano Manfroi, diretor do Câmpus Bento Gonçalves Júlio Xandro Heck, pró-reitor de Pesquisa e Inovação Apresentação DTG Inauguração Biblioteca Firmino Splendor Inauguração Biblioteca Firmino Splendor Coral de sopro Dall Onder Novo prédio da Biblioteca Novo prédio da Biblioteca Biblioteca Firmino Splendor Biblioteca Firmino Splendor Biblioteca Firmino Splendor

Veja mais

Final do Conteúdo Ir para as informações da Página

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Rua General Osório, 348 | Bairro Centro | CEP: 95700-086 | Bento Gonçalves/RS

E-mail: gabinete@ifrs.edu.br | Dúvidas de Acessibilidade: acoes.inclusivas@ifrs.edu.br | Ouvidoria | Telefone: (54) 3449-3300